My Dress Code

"Vestir-se é dizer ao mundo quem é você."(Viviene Westwood)

Tag: entrevista

27 junho, 2016

Truques para controlar a fome no inverno

No inverno o apetite aumenta, mas infelizmente a vontade de malhar não aumenta na mesma proporção. Nesta época do ano sentimos mais necessidade de comer coisas gordurosas e ficar “beliscando” o tempo todo. A pergunta que não quer calar é como driblar a fome e evitar de ganhar peso? A nutróloga Dra. Ana Luisa Vilela, da Slim Form, deu umas dicas ótimas para controlar a fome no inverno.

fome_no_inverno-my_dress_code

A Dra. Ana Luisa contou que nosso organismo exige mais energia quando a temperatura está mais baixa. ”Isso acontece porque o gasto energético nessa época do ano é maior já que o organismo se esforça mais para manter a temperatura corporal estável. Esse aumento de apetite é uma resposta do nosso corpo, que solicita mais energia – e nós respondemos isso com a ingestão de mais alimentos, muitas vezes bem calóricos”, revela a médica.

fome_no_inverno-my_dress_code-4

No frio sentimos necessidade de comer mais e essa vontade geralmente não inclui alimentos crus e frios e assim acabamos deixamos saladas e frutas de lado. É aí que mora o perigo. ”Os excessos desse período se deve ainda a necessidade de produção de serotonina, um neurotransmissor que promove a sensação de bem-estar, que é diminuído principalmente em pessoas que não se sentem confortáveis com as temperaturas mais baixas”, fala a médica que acrescenta ”para suprir esta sensação muitos acabam descontando na comida e além de engordar podem ainda desenvolver doenças como hipertensão e obesidade, além de contribuir para o aumento dos níveis de colesterol e triglicéride – que elevam os riscos de problemas cardiovasculares”, alerta Dra. Ana.

fome_no_inverno-my_dress_code-3

Por essas e outras, é essencial redobrar os cuidados com a alimentação na estação mais fria do ano. Para isso, a médica listou algumas dicas importantes para controlar a fome no inverno.

·         Consuma mais proteínas, que demoram mais para serem metabolizadas e liberadas, assim a sensação de saciedade aumenta;

·         Evite os excessos de carboidratos, apesar de serem convidativos para o inverno;

·         Prefira fazer sopas com legumes que não sejam de cor amarela e laranja;

·         Abuse de chás que além de esquentar o corpo, aumentam sensação de bem estar;

·         Prefira as frutas típicas da safra que são ricas em vitamina C como: morangos, tangerina, laranja e maracujá.

·         Para os tentadores fondues, faça-os com carnes cozidas ao invés de fritas e misture queijos magros e os mais claros possíveis para molhar os pães integrais. Na versão doce, use chocolate em pó 70% cacau e aproveite a receita de leite condensado light: 1 xícara de leite em pó desnatado, 1/4 de xícara de água fervente e 1/2 xícara de adoçante em pó.

Sobre a Slim Form:

Clínica médica especializada em emagrecimento e estética liderada pela Dra. Ana Luisa Vilela.

 www.slimform.com.br – www.draanaluisavilela.com.br

 

Tags: ,
11 maio, 2016

Dicas sobre adestramento comportamental para cães

Esse post é para você que ama cachorro e quer tirar algumas dúvidas básicas sobre como educar seu peludo da melhor forma. Fiz uma entrevista sobre adestramento comportamental com o Leandro Lecão, especialista no assunto, com mais de 20 anos de experiência na área.
adestramento_comportamental-my_dress_code-3
Eu, pessoalmente, estava alguns probleminhas com o meu Border Collie de 6 meses, o Ozzy, que mesmo depois de uma hora de caminhada continuava super agitado e não respeitava ordem nenhuma dentro de casa.
A convivência familiar estava ficando cada dia mais complicada. Minha avó não podia mais ir no jardim com medo de que ele pulasse e derrubasse ela. A funcionária de casa disse que ia pedir demissão se ele rasgasse de novo sua roupa… A lista de travessuras é grande. Rsrsrsrs
adestramento_comportamental-my_dress_code-2
Resolvi pedir ajuda para um profissional especializado em adestramento comportamental para tentar corrigir a tempo as tendências inadequadas do Ozzy. Depois de apenas 5 aulas com o Leandro Lecão, posso afirmar que o meu Border está mais calmo e já começou a obedecer alguns comandos básicos. Não existe milagre e é preciso dar continuidade ao treino em casa também.

Você pode até pensar que seu amigo peludo não necessita de educação adicional, além daquela que você mesma fornece a ele. Mas num segundo momento, você pode se deparar com certos problemas de comportamento, muitas vezes até básicos, que se não forem corrigidos podem causar grandes transtornos.

Confira a entrevista que fiz com o Lecão para tirar algumas dúvidas importantes a respeito do assunto.

adestramento_comportamental-my_dress_code
1) Como funciona o adestramento comportamental?
Comecei a aprender sobre adestramento de cães há 21 anos com um amigo. Juntos fizemos vários cursos e aprimoramos algumas técnicas.
Ao longo dos anos fui me especializado na questão dos desvios comportamentais, que normalmente são ligados a vários fatores: genética, ambiente em que vive e principalmente a forma errônea com que muitas vezes são criados pelos seus tutores.
2) Este tipo de treinamento é indicado em quais casos e qual é a idade ideal para começar? 

O treino comportamental serve para equilibrar de modo geral o cão. Diminui a ansiedade, o estresse, medos, agressividade e “aquelas artes” que eles fazem para chamar a atenção, como no caso do Ozzy.

No meu método de trabalho sempre faço uma avaliação detalhada do cãozinho, observo como ele age na matilha, se quer se tornar um lider ou um cão submisso, se aceita ordens, entre outras coisas. A partir disso, monto uma série de exercicios para a familia ir condicionando o cão, evitando o surgimento de problemas compartimentais mais chatos. Minha idéia é trabalhar muito com a prevenção!!!
Em pouco tempo de treino, usando a técnica adequada, já é possível ver alguns resultados. Condiciono o cachorro sempre de forma positiva, com brincadeiras e muito carinho.
3) Você pode dar alguns conselhos básicos para quem quer começar a treinar um cão em casa?

Eu sigo a filosofia da liderança. Na natureza os animais de qualquer espécie sempre possuem um líder ou chefe que irão seguir.

Por instinto o cão sempre quer tirar vantagens e se impor como o líder da matilha ou da casa. As vezes, em situações rotineiras que para nós parecem bobeira, brincadeira e são até engraçadas, o cão ele está se impondo como o líder. É aí que ele se torna desobediente.
Algumas dicas bem simples para ensinar nosso cão a obedecer são:
 
1) Nunca alimente seu cão antes que você e sua familia se alimentem. O lider come primeiro!!!!
2) Não dê atenção todo momento que ele pedir. Pode até parecer difícil, mas não é legal entrar em casa fazendo a maior festa para ele. Além de aumentar a ansiedade, você vai deixa-lo louco te esperando toda vez que sai de casa.
3) Você sempre deve começar as brincadeiras e determinar a hora de parar.
 
4) O “Encantador de Cães” sempre fala em seu programa de TV que não adianta trabalhar somente o cão. Segundo ele, os donos também precisam mudar o comportamento e a forma de se relacionar com o animal. Isso faz sentido para você?
Faz muito sentido o que diz Cesar Milan. Sempre trabalhei com esse mesmo pensamento. Logo na primeira aula digo para os clientes que 80% do treino é para eles.
Nosso estado emocional influencia e muito no comportamento dos cães.
Já presenciei casos em que a dona/dono precisava se tratar antes de iniciarmos o adestramento. O equilíbrio do tutor e o posicionamento dele como líder é essencial. Os cães são seres iluminados e muito inteligentes, muitas vezes eles acabam ajudando as pessoas com quem convivem, ensinando-os a viver no presente, o amor incondicional, etc.  Pessoas que tem cães costumam ser menos estressadas, ativas fisicamente e mais generosas. Ensine seu cachorro a agir corretamente e terá o melhor e mais fiel companheiro.

ver mais

Tags: ,
7 janeiro, 2016

Botox antes dos 30 pode?

A toxina botulínica é uma arma poderosa no combate às marcas e linhas de expressão. 

Aliada na luta contra o envelhecimento precoce, o botox ainda divide opiniões sobre qual a melhor idade para começar a usufruir dos benéficos deste tipo de tratamento.

Conversei com o cirurgião plástico paulistano Dr. Francisco Alionis Neto. Em uma entrevista rápida, ele tirou as algumas dúvidas sobre o procedimento e disse que em alguns casos específicos, a aplicação do botox antes dos 30 pode prevenir os indesejados sinais da idade.

botox_antes_dos-30-my_dress_code-3

– Afinal, o que faz a toxina quando entra em contato com os músculos?

A toxina botulínica é apenas um paralisaste muscular. Quando aplicada nos músculos, ela evita que eles se contraiam e formem rugas de expressão, proporcionando um aspecto mais descansado, leve e jovem ao rosto.

botox_antes_dos_30-mydresscode-2

– Qual a melhor idade para começar a usar?

ver mais

Tags:
18 novembro, 2015

Paulo Persil lança o portal Educação Beleza

Idealizado pelo mago das noivas, Paulo Persil, o portal Educação Beleza está no ar!!!

cabelo-paulo_persil-portal_educacao_beleza-mydresscode

site-educacao_beleza-curso_cabeleireiro-paulo_persil-mydresscode

O site visa contribuir na formação de profissionais de áreas da beleza através de vídeos tutoriais com aulas práticas.

O primeiro portal de educação a distância online focado neste mercado já conta com cerca de 50 vídeo-aulas, com técnicas, dicas e passo a passo de diversos penteados, do mais clássico ao mais ousado.

O renomado hairstylist Paulo Persil contou sobre seu novo projeto e deu uma entrevista exclusiva (abaixo) para o My Dress Code!!!

Com quase duas décadas de trabalho e uma sólida carreira no universo da beleza, Paulo Persil é o hairstylist, empresário e educador a frente do Educação Beleza.

ver mais

Tags: ,
24 abril, 2015

Sucção labial: o segredo do bocão das celebridades

A descoberta do uso de uma ferramenta caseira especial para aumentar os lábios e dar o efeito ‘bocão’, está dando o que falar.

Tema polêmico no mundo da beleza, os lábios volumosos da modelo Kylie Jenner, irmã mais nova de Kim Kardashian, sem dúvida ganharam a cena…

A “arma” de beleza da modelo se chama Candy Lipz e por enquanto não está disponível no Brasil. Trata-se de uma maçãzinha que funciona como um sugador de lábios. Você encaixa na boca, aperta e a maçã fica grudada fazendo uma sucção, que aumenta o tamanho dos lábios.

Parece sedutor, não é mesmo? Mas muitas nem imaginam que a técnica caseira tem seus riscos. 

kylie_jenner-succao_labial-mydresscode-3

O cirurgião plástico, Dr. Rodrigo Duprat, explica que o aumento labial por sucção é efeito dos vasos sanguíneos dilatados, que ao serem apertados, liberam substâncias mensageiras para parede dos vasos dilatarem e aumentarem de tamanho.

O tamanho dos lábios, após a utilização do aparelho, pode durar de minutos até horas, dependendo do tempo e da força aplicada.

O especialista afirma que em alguns casos, o inchaço pode durar até dois dias. Por se tratar de uma técnica nova, não é possível afirmar na prática quais os efeitos colaterais a longo prazo, mas Dr. Duprat ressalta que devido ao alongamento das fibras, a prática, se muito frequente, pode causar flacidez com o passar dos anos, mesmo que mínima.

“Assim como os lábios dos fumantes ficam marcados de tanto fazer ‘biquinho’, qualquer deformação constante pode sim ter influência na estrutura. Tudo depende da quantidade e frequencia da deformação”, orienta.

Lábios carnudos sempre foram associados à juventude e ao poder sexual, desde os povos indígenas primitivos, materiais eram inseridos nos lábios para realçar a beleza. Porém, o cirurgião plástico alerta para ter cuidado com a força e o tempo de sucção exercida e enfatiza aos que desejam lábios maiores: a medicina dispõe de técnicas mais seguras, como o preenchimento com ácido hialurônico, que dura em média um ano, é natural para o corpo, e não oferece agressões repetidas, estimulando seu colágeno ao invés da flacidez.

Qual a opinião de vocês sobre a polêmica sucção labial???

Sobre Dr. Rodrigo Duprat

doutor_rogrigo_duprat-mydresscode

Dr. Rodrigo Drupat é cirurgião plástico formado pelo Instituto Ivo Pitanguy, em SP. Possui vasta experiência na área de cirurgia geral e plástica com ênfase em cirurgia plástica estética e reparadora. Realizou sua residência de cirurgia geral pela Santa Casa de São Paulo e é pós-graduado, também, pelo Instituto Ivo Pitanguy.

É especialista da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) e membro da ISAPS (International Society of Aesthetic Plastic Sugery).

Tags: ,

Mais Posts