My Dress Code

"Vestir-se é dizer ao mundo quem é você."(Viviene Westwood)

10 outubro, 2017

Dicas de Marrakech, um dos meus destinos favoritos!!!

Marrakech com certeza está na minha lista de destinos favoritos e definitivamente é um lugar que você deve conhecer antes de morrer!!!

Passei 6 dias nesta cidade exótica, localizada na região centro-sudeste de Marrocos, país do continente africano, cuja capital é Casablanca. Por conta dessa posição, Marrakech também é chamada de Porta do Sul ou Cidade Vermelha, devido a cor característica de suas construções, que se assemelha a um tom um “marsala envelhecido”.

Conhecida por suas ruas que lembram um labirinto, palácios e jardins de tirar o fôlego e pelos mercados (souks) que vendem – literalmente – de tudo, sem dúvida Marrakech é o principal destino turístico de Marrocos. Não à toa, que o estilista Yves Saint-Laurent (1936-2008) passava grandes períodos se inspirando na propriedade que comprou na cidade.

A primeira vista, para mim, foi um choque cultural ver mulheres de burcas inteirinhas de preto em pleno verão de 40 graus. A maioria dos marroquinos é muçulmanos e é muito comum também ver os homens, em determinados horários do dia, rezando dentro das mesquitas, onde não é permitida a entrada de mulheres. Apesar de ser um lugar turístico, não recomendo andar pela Medina (centro antigo da cidade) com roupas curtas ou peças muito coladas no corpo, já que isso pode ser interpretado como uma ofensa a cultura religiosa deles.

Em nenhum momento me senti insegura na viagem, mas como em qualquer lugar turístico e movimentado, é preciso prestar atenção na bolsa e nos pertences pessoais. Marrakech é super policiado e ao contrario do que muitos falam, não há problema nenhum ir para lá só com mulheres. Eu fui com a minha tia e a minha prima e não passamos por nenhuma situação desagradável neste sentido.

As ruas da cidade antiga também não possuem sinalização de trânsito e confesso que no começo fique com medo de ser atropelada por um tuktuk, ou até mesmo por um burro rsrsrsrs. A primeira vista aquilo parece não fazer sentido algum, mas depois você ve que faz parte dos costumes e que apesar de parecer caótico, são bem raros acidentes por lá.

Antes de embarcar para Marrakech, confira algumas dicas importantes! Programação é tudo quando o assunto é viajar.

Informações importantes:

Línguas: Árabe, dialetos berberes e francês. Na maioria dos lugares turísticos eles falam inglês, o que foi minha salvação.

Saúde: Não há exigências específicas de vacina.

Melhor época para visitar: A melhor época para visitar o Marrocos é de outubro a maio, o que corresponde a primavera e o inverno. Fui em setembro e confesso que sofri com o calor de mais de 40 graus e o clima super seco. Não recomendo ir durante este período!

Moeda local Dirham: Pague, preferencialmente, com a moeda local. Lá eles aceitam Euros e Dólares, mas o câmbio não é o mais favorável.

Não pegue taxi no aeroporto: uma dica importante é fechar com o hotel um taxi recomendado por eles. Desta forma você evitará surpresas como o taxista falar um preço absurdo quando te deixar no hotel.

Onde se hospedar

Existem duas opções de hospedagem que são completamente diferentes, dentro ou fora da Medina. Em Marrakech tem vários hotéis luxuosos e famosos mundialmente como o Four Sessons, Sofitel e Fairmont, mas todos ficam fora da medina e são mais ocidentalizados.

Como queria viver uma experiência autêntica, optei por me hospedar no coração da cidade, em um Riad (nome dado aos antigos palacetes situados dentro da Medina, fechados para o exterior e que, com o tempo, transformaram-se em hotéis de pequeno porte). Optei por um Riad boutique de apenas 13 quartos chamado Riad Star, pois queria viver a realidade da cidade e entrar em contato com a cultura marroquina autêntica.

Riad Star

Riad Star

Ficar hospedada no Riad Star foi uma experiência inesquecível, desde a minha chegada, até a hora de ir embora, com o coração partido. Meu quarto todinho branco levava o nome da princesa Grace Kelly, que no passado foi muito amiga da cantora de Jazz Josephine Baker, que viviu no Riad durante os anos 40. O Riad Star leva este nome em homenagem esta talentosa estrela do jazz!!!

O atendimento dos funcionários do hotel não poderia ser melhor!!! Fiquei amiga dos queridos Omar e Abdul, que desde o começo nos trataram com muito carinho. Como o hotel é bem pequeno, a maioria dos hospedes se conhecem e trocam dicas das mais variadas. Parece uma família mesmo!!!

Existem outros Riads incriveis como Riad Monceau, Riad Kniza, Riad Farnatchi, El Fenn, entre outros. Mas para quem busca se hospedar em algum lugar mais tranquilo, fora da loucura da Medina, recomendo o La Mamounia, que é um hotel de luxo zero ocidentalizado, o La Sultana, o Beldi Country Club ou o Selman. Todos deslumbrantes!!!

La Mamounia

La Sultana

Dicas de Compras em Marrakech

ver mais

Tags: ,
27 setembro, 2017

Dica de hotel em Madrid: Gran Meliá Palacio de los Duques

Localizado no coração do centro histórico de Madri, a 200 metros do Teatro Real, o Gran Meliá Palacio de los Duques ocupa um palácio histórico do século XIII, que no passado foi um grande convento Dominicano. Mais tarde, no século XIX, serviu como residência dos Duques de Granada de Ega e Villahermosa, colecionadores de arte apaixonados pelo pintor Velázquez.

dica_de_hotel_em_madrid-gran_melia_palacio_de_los_duques-1

dica_de_hotel_em_madrid-gran_melia_palacio_de_los_duques-2

dica_de_hotel_em_madrid-gran_melia_palacio_de_los_duques-3

dica_de_hotel_em_madrid-gran_melia_palacio_de_los_duques-isadora_lopes

dica_de_hotel_em_madrid-gran_melia_palacio_de_los_duques-isadora_lopes-2

dica_de_hotel_em_madrid-gran_melia_palacio_de_los_duques-4

Hoje, em pleno século XXI (21), o antigo palácio foi transformado em um luxuoso hotel cinco estrelas, que já consta como membro da exclusiva lista “Leading Hotels of the World”.

Quando pesquisei onde me hospedar na cidade de Madrid, um dos pontos importantes era a localização. Quando me deparei com este hotel, que respira história, tradição, arte e modernidade, meus olhos brilharam. Tinha achado o lugar perfeito!!!

Assim como os antigos nobres que moraram no palácio há muitos anos atrás, eu também sou apaixonada pelo pintor barroco Velázquez. Na hora, me imaginei andando pelos corredores deste luxuoso hotel, admirando a beleza de suas obras. O Gran Meliá Palacio de los Duques possui características que me fascinam: excelente localização, decoração que mistura o clássico com o moderno, atendimento exclusivo, arte, gastronomia e ainda conta com um rooftop maravilhoso com piscina, jacuzi e uma deslumbrante vista de Madrid.

Não poderia ser mais perfeito. Assim que cheguei no hotel, exausta depois de muitas horas de voo e aeroportos, fui recebida com uma cava maravilhosa e um atendimento cinco estrelas. Imediatamente esqueci o cansaço e me transportei para aquela atmosfera digna da realeza.

Logo fui levada ao meu quarto, que me deixou de queixo caído: uma cama gigante maravilhosa, com uma parede decorada com uma das minhas obras preferidas de Velázquez, o Triunfo de Baco!!!

Fiquei encantada com a banheira estilo vintage e a iluminação dramática do quarto. Na hora pensei: quero morar aqui… rsrsrsrs

O elegante palácio ainda conta com um spa renomado, restaurantes com gastronomia sofisticada, um bar com coquetéis divinos e uma adega inspiradora, com os melhores rótulos de vinhos espanhóis.

Só de escrever este post agora, já me deu uma vontade gigante de voltar e viver esta experiência mágica novamente. Recomendo!!!

GRAN MELIÁ PALACIO DE LOS DUQUES
Endereço: Cuesta Santo Domingo, 5, 28013 Madrid, Espanha
Telefone: +34 912 76 47 47

 

SalvarSalvar

SalvarSalvarSalvarSalvar

SalvarSalvar

SalvarSalvar

SalvarSalvarSalvarSalvar

SalvarSalvar

SalvarSalvar

SalvarSalvar

SalvarSalvar

SalvarSalvar

SalvarSalvarSalvarSalvar

SalvarSalvarSalvarSalvar

SalvarSalvar

Tags: ,
26 setembro, 2017

Dicas de Madrid: roteiro curto e prático!

Sou completamente apaixonada por Madrid. Esta cidade espanhola me fascinou desde a primeira vez que fui, há uns 8 anos atrás. Madrid tem um charme impressionante, que mistura muitos anos de história, com arte, gastronomia, moda, parques de cair o queixo e uma vida noturna agitadíssima.

Decidi ficar 4 dias em Madrid e sabia que ia ser bem corrido. Como queria fazer tudo a pé resolvi escolher um hotel bem localizado. Depois de muita pesquisa e recomendações de amigos acabei optando pelo Gran Melia Palacio de los Duques, um palácio do século XIX com uma localização privilegiada, ao lado do Palácio Real, do Teatro Real e da Catedral de Almudena. Além da localização, me encantei com a proposta do hotel, todo inspirado nas obras de um dos meus pintores favoritos, o Velázquez.

Passei 4 noites na cidade e confesso que não ir embora rsrsrs. Confira abaixo algumas dicas de Madrid!!!

PASSEIOS

Palácio Real

O Palácio Real é uma das grandes atrações de Madrid. Eu fiquei maravilhada com a sua beleza e imponência. Cada detalhe da arquitetura e decoração suntuosa nos levam a um passeio pela história da realeza espanhola.

dicas_de_madrid-my_dress_code-1

Catedral de Almudena 

Localizada próxima ao Palácio Real, é a igreja da padroeira da cidade, a Virgem de Almudena. Sua arquitetura é marcada por uma forte mistura de estilos. Assim que entrei na catedral senti uma energia muito forte. Depois descobri que lá foram enterrados vários nobres da Espanha. A igreja também foi “palco” do casamento do atual rei Felipe e sua mulher Leticia. dicas_de_madrid-my_dress_code-2

Templo Debod 

 Doado para a Espanha pelo Estado Egípcio, este local possui uma aura mágica. O espelho d’água que o cerca em determinadas horas do dia, reflete o céu e a vegetação local. Simplesmente deslumbrante!

dicas_de_madrid-my_dress_code-3

Parque del Retiro

Seguramente é o parque mais bonito de Madrid. Se trata de uma área verde imensa, cheia de lagos, flores e jardins super bem cuidados. Não deixe de conhecer o Palácio dos Cristais que fica dentro do parque. Quando eu fui, infelizmente estava fechado, mas sei que neste local rolam diversas exposições incríveis.

dicas_de_madrid-my_dress_code-4

ver mais

Tags: ,
18 abril, 2017

Look cropped para festa

O “look crooped para festa” com saia longa é uma combinação muito interessante e harmônica, se usada de forma adequada. O comprimento curtinho do cropped fica mais elegante e equilibrado com saia longa de cintura alta, deixando apenas um pouquinho da pele aparecendo. Este tipo de visual alonga a silhueta e é sexy sem ser vulgar.

Pode ser utilizado em várias ocasiões, desde uma proposta mais casual para o dia a dia, até para festas mais chiques como casamentos e formaturas. Tudo depende do tecido, da modelagem e da produção escolhida.

Optei por um look cropped de renda rosé, com manga comprida e a gola alta, que deixou o visual com uma pegada delicada e romântica. Esta produção é perfeita para um evento mais sofisticado. Gostaram?

Look cropped – Ton Age | Sandálias – Schutz | Brincos – Zara

Tags:
10 abril, 2017

Look Boho Chic com vestido estampa tattoo

Que tal começar a semana com um Look Boho Chic que tem tudo a ver com o outono?

Como vocês sabem, sou fã numero 1 de roupas longas, que alongam a silhueta com elegância e conforto. Quando vi este vestido com estampa tattoo no Salão Casamoda See Now Buy Now, feira de moda atacado que aconteceu em março no Hotel Unique, fiquei completamente apaixonada. Além de super diferente e sofisticado, ele tem um caimento especial por conta da modelagem e do tecido em malha de tule. Sua estampa étnica me lembra uma tatuagem tribal ou algo do gênero. Para completar o look, que já fala por si só, apostei em um chapéu grandão de palha preto, botas, choker preta com detalhes em dourado e bracelete. Gostaram?


Vestido – Fábia Muniz (@fabiamunizloja) | Chapéu – BCBG | Choker – Forever 21 | Botas – Zara | Bracelete – comprado em NY há muitos anos

Fotos @jeffy.amaral

Tags:

Mais Posts